Como escolher uma clínica em São Paulo para clareamento dental?

Você sabia que nem sempre dentes saudáveis têm uma bela aparência? Isso pode acontecer em função de alterações em sua tonalidade, desencadeadas por fatores como envelhecimento natural e alimentos pigmentados. Para reverter esse problema, basta fazer um clareamento dental.

Esse procedimento ajuda a clarear o tom dos dentes para que eles tenham um aspecto mais agradável, valorizando a imagem de um modo geral. Mas, para realizá-lo com segurança e eficácia, é importante estar atento ao profissional que o fará.

Para ajudar você, preparamos este artigo, a fim de apresentar detalhes informações sobre o clareamento dental, seus diferentes tipos, benefícios e muito mais. Veja, também, algumas dicas para escolher uma boa clínica em São Paulo para realizar esse tratamento. Continue lendo!

Por que ao longo do tempo os dentes escurecem?

Dentes claros compõem um sorriso mais agradável e que valoriza a aparência. No entanto, com o passar do tempo, existe uma tendência natural a ocorrer um escurecimento da dentição. Não se engane, isso pode acontecer com qualquer pessoa.

Afinal, os motivos desse escurecimento estão relacionados a diferentes fatores, que envolvem tanto o processo natural de envelhecimento quanto nossos hábitos ao longo da vida. A seguir, explicamos melhor quais são as principais causas dos dentes escurecidos, amarelados ou manchados.

Idade

O avanço da idade prejudica a estética dental. Isso porque, conforme envelhecemos, existe uma tendência aos dentes ficarem amarelados. Afinal, o esmalte dentário sofre um desgaste, deixando a dentina em maior evidência. Como ela é mais escura, o sorriso tende a amarelar.

Alimentação

Alimentos e bebidas podem conter corantes de origem natural ou artificial. Esse é o caso do café, açaí, beterraba, refrigerantes e vinho tinto. O consumo em excesso e sem a devida higienização dos dentes provoca o escurecimento, pois esses pigmentos se acumulam nos microporos do esmalte, manchando-o.

Medicamentos

A função dos medicamentos é promover reações químicas no organismo. Por isso, algumas substâncias, como antibióticos, podem deixar os dentes amarelados ou manchados. Isso também acontece com alguns anti-hipertensivos e anti-histamínicos. Contudo, é válido lembrar que o problema está no uso prolongado.

Higienização

A higienização incorreta ou insuficiente dos dentes pode escurecer o esmalte por causa do acúmulo de pigmentos, conforme explicamos. Também pode desencadear o tártaro, que se forma quando a placa bacteriana calcifica. Porém, ele não pode ser tratado com clareamento dental, exigindo uma raspagem.

Tabaco

Os malefícios que o tabaco provoca para a saúde de um modo geral são amplamente divulgados, e já não é novidade que ele deixa os dentes amarelos. Suas toxinas se depositam no esmalte dentário com o passar do tempo, escurecendo o sorriso, além de provocarem outros vários problemas bucais.

Como funciona o clareamento dental?

É muito importante esclarecer um assunto que causa dúvidas em quem deseja fazer o clareamento dental. As pessoas que procuram por esse procedimento querem ter dentes brancos, mas os resultados remetem a um sorriso mais claro, respeitando a tonalidade natural da dentição de cada paciente.

A função do clareamento é amenizar esse tom para que ele se torne mais suave. Assim, se uma pessoa tem dentes naturalmente amarelados, acinzentados ou acastanhados, eles não ficarão totalmente brancos, mas sim mais claros. Isso se dá em função do modo como o procedimento funciona.

O clareador atua nos pigmentos acumulados no esmalte. Ele provoca uma reação, que transforma essa pigmentação em partículas menores e solúveis em água, sendo eliminadas dos dentes. Além disso, muda o modo como a dentição reflete a luz.

Assim, não faz uma despigmentação do esmalte dentário, mas elimina partículas acumuladas e valoriza os dentes para que fiquem claros. Quem tem a dentição com um tom branco terá um sorriso mais branquinho; quem tem dentes amarelados alcançará um tom bem mais discreto, mas não totalmente branco.

Por isso, é muito importante conversar com o dentista, esclarecer todas as suas dúvidas e se informar sobre os resultados possíveis. Afinal, caso o clareamento não apresente a eficácia que você espera, é válido adotar outras técnicas, como as lentes de contato ou as facetas de porcelana.

Quais tipos de clareamento existem?

O clareamento dental é indicado para pessoas maiores de 15 anos e que desejam valorizar seu sorriso. Esse procedimento tem indicações estéticas, ou seja, ele não trata problemas ou doenças bucais, mas sim o aspecto da dentição, para que ela seja mais agradável e tenha um impacto positivo na imagem do indivíduo.

É possível escolher entre diferentes tipos de procedimento, optando por eles conforme a necessidade de cada paciente, as características da sua dentição e os resultados esperados. Veja a seguir quais são as opções de clareamento dental que você encontra no mercado.

Clareamento convencional

O clareamento convencional é feito no consultório do dentista. Ele é realizado em sessões (de 1 a 4), de acordo com a necessidade do paciente. Sua duração é de cerca de uma hora, com intervalos em torno de 2 dias.

Nessa técnica, o dentista faz a proteção das gengivas e dos lábios para evitar reações indesejadas ao clareador. Em seguida, aplica o produto nos dentes, deixando-o agir. As concentrações costumam ser maiores para garantir melhores resultados.

Clareamento com LED ou laser

Também realizado em consultório e com o mesmo número de sessões da técnica anterior, mas a diferença está em sua duração, que é menor, cerca de 30 a 40 minutos. O preparo do paciente também é igual, sendo que a variação desse procedimento está na utilização de luzes de LED ou laser.

Depois de aplicar o agente branqueador, o dentista utiliza essas luzes para potencializar a ação do produto, fazendo-o agir mais rápido. Ele pode optar somente por uma delas ou combinar ambas, de acordo com a necessidade de cada caso.

Clareamento caseiro

Nesse tipo de clareamento dental, o procedimento é realizado em casa pelo próprio paciente, mas com a supervisão do dentista. São realizadas consultas para avaliação e confecção da moldeira. Além disso, o profissional passa as instruções para que o indivíduo faça o tratamento corretamente.

O paciente aplica o gel na moldeira, confeccionada especificamente para ele, depois a encaixa nas arcadas dentárias. Deve permanecer com a moldeira pelo tempo indicado pelo dentista, sendo o seu uso diário. A duração desse tratamento é de 7 a 21 dias, promovendo os mesmos resultados das técnicas de consultório.

Clareamento interno

De todos os tipos de clareamento dental, esse é o único que não trata toda a arcada dentária. Essa técnica é indicada para pessoas que precisam clarear apenas um dente que escureceu, devido a um tratamento de canal, por exemplo. Também é válido para os indivíduos que naturalmente têm uma tonalidade mais escura em um dente do que no restante.

Instagram Neo FacePowered by Rock Convert

O dentista faz um pequeno orifício na face traseira do dente e, por ali, aplica o produto clareador. Realiza uma restauração provisória e o paciente volta para casa, deixando o produto agir. Depois, retorna ao consultório para fazer uma nova aplicação, se for necessário, ou para restaurar definitivamente o dente.

O clareamento dental tem contraindicações?

Como você pode ver, todas as técnicas de clareamento dental que citamos são realizadas com a supervisão de um dentista. Existem outros métodos divulgados, como a utilização de kits, a aplicação de carvão ativado, o uso de cremes dentais clareadores, limão, bicarbonato de sódio, entre outras receitas.

No entanto, muitas delas não têm comprovação científica da sua eficácia, enquanto outras colocam gravemente em risco a saúde bucal e a integridade do dente. Assim, as técnicas que não recebem uma supervisão especializada são contraindicadas para todas as pessoas.

Até mesmo o clareamento profissional tem as suas contraindicações, como é o caso de pessoas que já apresentam sensibilidade, pois esse problema pode se intensificar. Também não deve ser feito por quem sofre de erosão dentária, crianças e adolescentes menores de 15 anos e aqueles que estão com problemas bucais em curso, como uma gengivite ou cárie.

Além disso, há casos em que uma técnica pode não ser recomendada para determinada pessoa, havendo necessidade de recorrer a outra. Portanto, o ideal é consultar um dentista para que ele avalie suas características e possa definir aquilo que promoverá bons resultados com segurança. Evite sempre métodos sem supervisão e receitas caseiras.

Quais são os benefícios do clareamento dental?

Explicamos para você que o clareamento dental é um procedimento com finalidades estéticas. Por isso, os benefícios que ele promove são especificamente para a aparência dos dentes, bem como para a imagem da pessoa de um modo geral. Contudo, os seus impactos se estendem, também, para o estado psicológico.

Isso acontece porque a insatisfação com a própria aparência provoca abalos na autoestima, o que reflete no modo como a pessoa se relaciona consigo mesma e com aqueles ao seu redor. Dependendo do seu grau de insatisfação, ela pode se tornar muito retraída, perdendo amizades e boas oportunidades profissionais, por exemplo.

Assim, ao fazer o clareamento dental, você desfruta do grande benefício de ter os seus dentes com a coloração natural evidenciada e valorizada, removendo todos os acúmulos de pigmentos e rejuvenescendo o sorriso, o que favorece toda a face.

Os impactos na autoestima, portanto, são uma consequência positiva. Além disso, por meio do clareamento, conseguimos evidenciar outros tratamentos que tenham sido realizados, como uma correção ortodôntica. Afinal, clarear os dentes complementa os resultados estéticos do alinhamento, deixando o sorriso muito mais bonito e agradável.

Quais alimentos evitar durante o tratamento?

Como bebidas e alimentos pigmentados estão diretamente relacionados ao amarelamento, escurecimento e manchas do sorriso, ao realizar o clareamento, é importante evitar aqueles itens que podem afetar os resultados alcançados.

O ideal é ter atenção à dieta constantemente. Contudo, quando você estiver fazendo clareamento dental e depois de finalizá-lo, é interessante ter um pouco mais de cuidado com aquilo que você ingere, para alcançar o máximo de eficácia do procedimento e prolongar a sua duração.

Sim, o clareamento dental não dura para sempre. Ele precisará ser refeito depois de cerca de um a dois anos, dependendo do cuidado que cada pessoa tiver com a sua dentição. Assim, se você evitar alimentos e bebidas com corantes e realizar uma boa higiene bucal, terá dentes mais brancos por mais tempo.

Então, enquanto estiver em tratamento e quiser fazer a manutenção dos resultados, procure reduzir o consumo de alguns alimentos e bebidas, como:

  • café;
  • vinho tinto;
  • chás escuros, amarelados ou avermelhados;
  • suco de uva;
  • refrescos em pó;
  • beterraba;
  • açaí;
  • mirtilo;
  • chocolate;
  • molho de soja e inglês;
  • molho de tomate;
  • refrigerantes.

Você não precisa eliminar completamente esses alimentos do seu cardápio, apenas procure não consumi-los em excesso e realize a higiene bucal logo após a ingestão. Dessa forma, prevenirá o acúmulo de pigmentos no esmalte. Lembre-se de usar uma escova com cerdas macias e creme dental com flúor.

No entanto, sua preocupação não deve ser apenas com os pigmentos, mas também com a prevenção da sensibilidade. Assim, o ideal é evitar alimentos muito ácidos, como as frutas cítricas, o vinagre e os refrigerantes. Além disso, evite as bebidas alcoólicas e o cigarro.

Como escolher uma clínica para o procedimento em São Paulo?

Você encontrará diversas clínicas e profissionais para fazer o seu clareamento dental em São Paulo, porém, conforme vimos, não se trata de simplesmente aplicar um produto para deixar os dentes brancos. É preciso que o procedimento seja planejado de acordo com as necessidades de cada paciente.

Portanto, você precisa escolher uma clínica bem estruturada, com profissionais capacitados e experientes, e que invista em tecnologia. Desse jeito, terá a certeza de receber um atendimento de ótima qualidade, realizando um tratamento eficaz que deixará o seu sorriso com os resultados que deseja, mas tendo atenção à sua segurança e saúde.

A seguir, listamos alguns fatores que exigem a sua atenção na hora de escolher o local onde você fará o seu clareamento em São Paulo. Confira, anote e fique atento para tomar uma boa decisão!

Clínica multidisciplinar

Em uma clínica multidisciplinar, você encontra diversos especialistas, opções de tratamento, procedimentos e até mesmo exames. Esse é um espaço completo e bem estruturado, que contém todos os recursos necessários para receber um ótimo atendimento, com rapidez e segurança.

Investimento em inovação

A Odontologia tem evoluído muito, disponibilizando novos materiais, instrumentos, equipamentos, técnicas e tecnologias para os profissionais. É interessante que você procure uma clínica que tenha a preocupação de investir em inovação, para realizar tratamentos mais modernos, confortáveis e eficazes.

Profissionais especializados

Entretanto, de nada adianta a clínica oferecer diversas opções de tratamentos e procedimentos e ter uma estrutura moderna se sua equipe não acompanhar tudo isso. Assim, observe a qualificação dos profissionais para verificar se eles estão aptos a atender o público.

Qualidade do atendimento

Quem não gosta de ser bem tratado, não é mesmo? Uma das suas preocupações deve ser com o modo como o atendimento da clínica é realizado. Isso considerando todo o processo, desde o primeiro contato até o profissional que realizará o clareamento. Então, agende uma visita para conhecer a equipe.

Satisfação dos pacientes

Lembre-se, também, de pesquisar a respeito da satisfação dos pacientes antigos, conhecendo a opinião que eles têm da clínica e do profissional. Você pode fazer isso conversando com quem já foi atendido ou fazendo uma pesquisa em redes sociais, por exemplo.

O clareamento dental é uma ótima opção para quem deseja valorizar ainda mais o seu sorriso e ter dentes com um aspecto agradável. É um procedimento seguro e eficaz, mas que precisa ser realizado conforme suas necessidades. Por isso, procure um excelente profissional que atue em uma clínica bem estruturada, a fim de alcançar os resultados que você deseja com segurança.

Quer saber mais sobre o clareamento e outros tratamentos para deixar seu sorriso ainda mais bonito? Entre em contato conosco para conversar com a nossa equipe e agendar uma visita!

Agendar consulta Neo FacePowered by Rock Convert

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *