É comum que crianças e pessoas que não frequentam consultórios odontológicos regularmente tenham medo de ir ao dentista por inúmeros motivos, incluindo sentir dor, constrangimento, traumas e, em especial, ansiedade odontológica. No entanto, é importante ter consciência de que a ida a uma clínica é elementar para garantir a beleza e a saúde do seu sorriso.

Com base nisso, resolvemos falar um pouco mais sobre a ansiedade odontológica e algumas dicas para que você perca o medo de ir ao dentista. É válido mencionar que a odontologia evoluiu muito e existem procedimentos específicos para tratar cada problema bucal de forma rápida e indolor. Quer saber mais? Então continue a leitura deste post!

Afinal, o que é a ansiedade odontológica?

Caracterizada por ser a principal causa de um paciente ter receio de ir ao dentista, a ansiedade odontológica, também chamada de odontofobia, nada mais é do que a fobia de ir a um consultório odontológico.

Esse medo irracional e forte ocorre pelo simples fato de uma pessoa pensar em ser examinada, gerando estresse e muito desconforto. O nível de ansiedade, apesar de ser bem comum, varia de paciente para paciente.

Casos de extremo pavor devem ser tratados com a ajuda de psicólogos, no entanto, a maioria das situações pode ser revertida com dicas simples e força de vontade.

Como combater o medo do dentista?

O profissional do ramo da odontologia é altamente capacitado para atender pacientes de diferentes idades e com diferentes problemas bucais. É ele o responsável por manter a saúde da sua boca em dia, além de realizar todos os procedimentos estéticos, como restaurações, extrações, tratamento de canal, colocação de aparelhos ortodônticos.

Com o avanço tecnológico da atualidade, a maior parte dos processos é realizada rapidamente e é indolor. Os tratamentos atuais contam com aparelhos e equipamentos que diminuem qualquer dor e sofrimento. Deixar de ir ao dentista pode causar problemas bucais ainda mais sérios e, a longo prazo, pode provocar dores intensas e perda dentária.

Instagram Neo Face

Por isso, não é necessário ter receio e, principalmente, medo de ir ao dentista. Veja como acabar com isso com as dicas abaixo!

Descubra o que preocupa você

O primeiro passo é descobrir a principal causa do seu medo. Descubra se o receio de ir ao dentista está relacionado a algum trauma, medo de sentir dor ou falta de controle, por exemplo, e tente reverter a situação conversando com o próprio dentista.

Crie uma relação de confiança com o dentista

Ir a um dentista recomendado por amigos e familiares também é uma boa dica. Você já sai de casa com boas recomendações e, com o tempo, cria relações de confiança com o profissional. Fale abertamente com ele sobre o seu problema e, juntos, procurem a melhor alternativa para acabar com tanto medo.

Essa relação também é importante para que você conheça melhor os procedimentos odontológicos e o que será feito para manter seu sorriso sempre bonito e saudável.

Consulte um dentista periodicamente

A ida a um consultório odontológico não deve se restringir a um momento de dor ou de um tratamento específico. É importante realizar consultas de rotina para garantir a saúde da região. Por esse motivo, realize um check up a cada 6 meses. Isso evita a associação direta de problemas dentários e dentistas, diminuindo também, com o tempo, o medo de fazer uma consulta.

Agora que você já sabe o que pode causar o medo de ir ao dentista, por que você não deve ter medo de realizar consultas e dicas de acabar com o receio, aproveite as informações e procure um profissional para realizar uma avaliação. Não se esqueça que isso é fundamental para que o seus dentes estejam sempre bonitos e para que a sua saúde bucal esteja em dia.

Compartilhe em suas redes e ajude seus amigos a acabarem com o medo de dentista. Até a próxima!

Agendar consulta Neo Face

2 thoughts on “Entenda por que você não deve ter medo de ir ao dentista”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *